Resultado de imagem para "Voluntariado Jovem na Floresta - Juventude Ativa"

 

O Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) está a promover a ação de longa duração “Voluntariado Jovem na Floresta – Juventude Ativa”, enquadrada no programa «Agora Nós», através de atividades de voluntariado organizadas por outras entidades com e para jovens. Esta ação de voluntariado jovem visa a preservação dos recursos florestais e ecossistemas relacionados, bem como a prevenção dos incêndios florestais, através da sensibilização das populações para uma maior consciência ambiental.

Áreas de intervenção:
· Sensibilização e educação ambiental para a sustentabilidade;
· Informação e preservação/qualificação do património natural e paisagístico;
· Valorização e inventariação do património florestal regional/local;
· Divulgação de práticas resilientes e racionais de ordenamento do território;
· Promoção de práticas com menores impactes no estado das massas de água;
· Proteção e valorização das áreas protegidas.

Calendarização da 2.ª fase:
Realização da ação entre 30 de setembro e 30 de novembro;
Apresentação de candidaturas pelas entidades organizadoras de 26 de junho a 30 de julho;
Aprovação dos projetos pelo IPDJ até 4 de agosto;
Publicação dos resultados no Portal da Juventude até 8 de agosto;
Inscrição dos jovens nos projetos a partir de 14 de agosto e até 5 dias antes do início de cada projeto.

Destinatários:
1 – Entidades
· Entidades registadas no Registo Nacional das Organizações Não Governamentais de Ambiente e Equiparadas (RNOE);

· Entidades registadas no Registo de Organizações de Produtores Florestais;

· Associações Juvenis inscritas no RNAJ;

· Outras entidades sem fins lucrativos que prossigam objetivos abrangidos pela área de intervenção deste programa (não possível para autarquias locais).

2 – Jovens com idades compreendidas entre os 18 e os 30 anos e com condições de idoneidade para o exercício do voluntariado na área de atuação deste programa (entende-se como idoneidade a não existência de condenação por sentença transitada em julgado pela prática de crime doloso contra a floresta ou o ambiente).
Financiamento das entidades organizadoras:

Cada entidade selecionada recebe, no prazo de quinze dias após assinatura do termo de aceitação, um montante calculado com base no seguinte modelo de atividade:

· N.º de voluntários; n.º de dias de atividade (máximo de 15 dias); valor de ressarcimento diário (10 euros); ocupação diária de cada voluntário (4 horas).

· Montante fixo para a gestão da atividade até ao máximo de 100,00 euros.

Nota: as entidades devem documentar muito bem a candidatura, podendo mesmo enviar documentação complementar que justifique a ação, por email para os serviços desconcentrados do IPDJ.

Mais informações aqui.